segunda-feira, 30 de maio de 2011

Um mês de Miguel. Um mês de muito amor!

Miguel,

Hoje você completou um mês de vida e posso te dizer que foi o mês mais prazeroso e exaustivo que eu já tive nos meus 25 anos de vida. Filho, você mama demais! De 2h em 2h por noite, as vezes de 3h em 3h (bom sinal porque você engordou horrores em apenas um mês). Faz muito cocô e xixi ( bom sinal, porque isso mostra que se intestino e seus rins estão funcionando muito bem) e chora querendo mamar, ser trocado e pedindo colo!

Você é a coisa mais linda do meu mundo! Acordo morrendo de sono pra dar de mamar pra você, mas meu sono logo passa quando eu te observo procurando meu peito pra matar sua fome e sua sede.

Saiba que eu, a mamãe, o papai, o vovô Nenê, a vovó Alice, a dinda Aline, o vovô Geraldo, a vovó Anna e a tia Lu te amamos demais e sempre estaremos do seu lado, desde a primeira queda de bicicleta até seu trote na faculdade apoiando você.

Parabéns filhote!

Selecionei 4 fotos pra você ver a sua mudança desde seu primeiro dia de vida até hoje!

Saindo da maternidade com 5 dias de vida



Segunda semana de vida em casa



Terceira semana de vida com o pijaminha de soft que a vovó te deu por causa do frio




Quarta semana de vida e olhos bem abertos!


Te amo, minha vida!
Parabéns de novo =D

domingo, 29 de maio de 2011

Meu filho e eu

Até hoje eu estranho quando eu falo: meu filho.

Difícil de acreditar que eu fui capaz de gerar uma pessoinha tão linda e que, apesar de todos os meus problemas, quando eu olho pra ele eu vejo a solução: a felicidade nos meus braços.




Miguel, é por você e somente por você que me desdobrarei pra ser feliz e te fazer feliz.

Te amo mais que tudo!

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Gorduchinho

Miguel na 1ª semana de vida


Miguel na 3ª semana de vida




Tá uma coisa linda, né?

Beijos

sexta-feira, 20 de maio de 2011

Consultas na Pediatra

O Miguel já passou pela pediatra 3 vezes e ele não deu um pingo de trabalho.

A Dra. Agueda é muito carinhosa com o Miguel e super atenciosa comigo. Sempre quando eu vou ela pede pra eu dar de mamar pra ver se o Miguel está fazendo a pega correta. Desde quando ela começou a fazer isso, a pega do Miguel melhorou e meus seios já não estão mais doendo quando eu dou de mamar :)

A primeira consulta do Miguel foi dia 06 de maio, um dia depois que ele teve alta do hospital:

Idade: 6 dias de vida
Peso: 2.540
Altura: 45cm

Magrelinho


A segunda consulta foi dia 09 de maio:


Idade: 9 dias de vida
Peso: 2.695
Altura: 49cm

Testando os reflexos. Ele "sabe" andar :)


Tá ficando gordinho


A terceira consulta foi essa semana, dia 17 de maio:

Idade: 16 dias de vida
Peso: 3.180
Altura: 50/5

De olhos abertos e calminho


A Dra. Agueda disse que o Miguel estás super saudável e ganhando peso melhor do que podíamos esperar. Tudo isso porque ele mama sem problema algum e eu estou dando MUITO leite, vou até doar para o banco de leite do hospital Ipiranga, onde ela trabalha toda semana na UTI Neonatal. Agora o Miguel só terá retorno no começo de junho. A icterícia está sumindo e logo, logo já poderemos sair com o pequeno pra passear :)


Beijos e bom fim de semana

Ive

terça-feira, 17 de maio de 2011

Simples assim...



Tudo de alegrias e tristezas conheci


Coisas do amor e do sofrer, eu já senti


Nada me transforma a alegria do viver


Ver a noite vir e sorrir, ao sol nascer


Vivo esperando o novo dia


Que irá trazer a luz que sempre ficará!







Te amo, Miguel.


Ive

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Presente fora de época!

Nem sempre as crianças ganham brinquedos somente quando fazem aniversário, no Dia das Crianças ou em alguma outra data comemorativa, as vezes elas ganham um agradinho dos pais, avós e amigos fora de data. Foi o que aconteceu hoje com o Miguel.

Meu pai trabalha no Bradesco e o pessoal da equipe dele sempre se reune pra comprar um brinquedo quando nasce um bebê de algum colega. Daí que sexta-feira (13/05) fizeram uma surpresa e deram um brinquedo para o Miguel para o primeiro vovô da equipe! Achei muito fofo, principalmente as mensagems que todos deixaram no cartão. Meu pai chegou todo contente em casa com o embrulho :)










Beijos e uma excelente segunda-feira ;)


Ive

domingo, 15 de maio de 2011

Era um pijama de bolinha amarelinha...

Miguel com seu pijama de bolinhas se espreguiçando gostoso!




Semana passada, minha grande amiga Liège fez um poema muito lindo em homenagem a chegada do Migui e eu vou compartilhar aqui com vocês :)

Miguel

Dois pequeninos
Em um mundo vasto
Dois gigantes
em um mundo pequenino

De um grande amor
Nasce um pequeno anjo
Que ainda não conhece nenhuma grandeza
Nem a imensidão das pequenas coisas

Começando a viver
Nasce um grande homem
Que ainda não conhece os porquês da mãe
Nem os segredos do pai

Começando a viver
Nascem pequeninos olhos curiosos
Que ainda não se lembram da pintinha da mamãe
Nem dos olhos claros do papai

Em um mundo vasto
Dois pequeninos amores
Dois gigantes companheiros
De um grande amor


Amiga, obrigada pelo carinho e, mesmo estando morando em outra cidade, você está sempre por perto!


Beijos e boa semana

Ive

quarta-feira, 11 de maio de 2011

Saída Maternidade

Eu e o Du não víamos a hora de chegar na maternidade, dia 05/05, pela manhã e conversarmos com o pediatra pra saber se o Miguel teria alta da icterícia ou não, e, graças ao bom Deus, o médico disse que a icterícia havia baixado sem risco de aumentar e que poderíamos levar nosso pequeno pra casa - então, entrei no berçário, levei a roupinha e fiquei lá do ladinho dele esperando a enfermeira trocá-lo e tirar nosso pitoco daquela caminha da acrílico feia. Peguei todos os resultados dos exames, a carteirinha de vacina dele e fomos embora felizes e saltitantes =D

Mamãe e Miguel


Miguel e Papai


Mamãe Coruja (haha)
video


O Miguel é muito lindo (L)

Beijos

Ive

terça-feira, 10 de maio de 2011

Meu primeiro Dia das Mães

Meu primeiro Dia das Mães com a coisa mais gostosa de 45 cm nos braços!


Obrigada Deus por essa dádiva e prometo cuidar e educar direitinho o nosso filho.


Miguel usando jeans pela primeira vez e eu 08/05/2011


Agradecimentos especiais:

Ao meu pai, que fez do meu dia e o da minha mãe ainda mais especial, com café da manhã e presentes postos na mesa. Aos meus padrinhos, que prepararam um almoço especial só pra mim. E, por fim, aos meus amigos que enviaram mensagens no celular me desejando feliz Primeiro Dia das Mães. Amo vocês demais, muito obrigada!


Beijos

Ive

domingo, 8 de maio de 2011

Bem-vindo Miguel!

Há oito dias atrás acordei às seis da manhã, sem dormir a noite toda, ansiosa.
Era o dia mais importante da minha vida.

O dia em que tudo poderia dar certo ou não.
O dia onde a ansiedade não tinha mais nome.
O dia onde a curiosidade seria de vez "matada".
O dia em que eu iria conhecer uma nova Ive.
O dia em que minha vida mudaria completamente de rumo de verdade.
O dia em que me tornei mãe oficialmente.

Meu filho Miguel chegou dia 30 de abril de 2011 às 11:38am no Hospital Santa Catarina em São Paulo, pesando 2.680 com estatura de 45cm, de parto tipo cesáriano realizado pela equipe do Dr. Nicola Comminos.

Realmente o sentimento mais fantástico que eu já senti na vida foi a de ter um filho. Já era mágico a gravidez, ver a barriga crescer, sentir os primeiros movimentos, chutes, imaginar como ele seria fora da barriga... Mas nada se compara quando você está deitada na sala de cirurgia, quando o médico diz: "Está chegando a hora mamãe. Está pronta?" E ai vem o som do primeiro choro do seu filho. O sentimento é como se fosse uma explosão de emoções muito forte, incontrolável, e isso aumenta quando você vê o bebê pela primeira vez, sente o calor da pele dele na sua e tem certeza de que ele está bem e é perfeito.

Minha mãe assistiu o parto, ela viu ele saindo da minha barriga, chorou junto comigo e disse: "ele é perfeito Ive!" Sinceramente eu estava muito nervosa e ansiosa antes do parto. Mesmo sabendo que estávamos em boas mãos, que Deus estava ali com a gente, rolou medo da anestesia, da cirurgia e tudo que eu mais queria era que aquilo acabasse e que eu pudesse descansar com o Miguel no colo. Graças as boas vibrações e da benção de Deus tudo ocorreu bem e o Miguel realmente é um anjinho. Nos 5 dias em que ficamos no hospital ele só chorou no momento em que nasceu.

No Hospital Santa Catarina, quando o bebê nasce e vai para o berçário, o pai pode entrar e dar o primeiro banho. O Du me surpreendeu. Mesmo com as pernas bambas e as mãos tremendo ele deu o banho do começo ao fim direitinho. No grande dia, a maternidade parecia que a torcida do corinthians estava lá. Meus pais, minha irmã, meus padrinhos, primos, tios, minhas avós, o Du, a mãe do Du e quase todas as minhas melhores amigas estavam lá, desde a hora do parto até o momento em que eu desci para o quarto. Todo mundo recebeu a minha mãe no berçário e foi um chororô só. Foi muito especial esse dia pra mim. Eu e o Miguel recebemos muitas visitas todos os dias, ganhamos presentes e foi uma delícia. Sem contar o atendimento do hospital, as enfermeiras, o trabalho em massa das meninas no berçário, deu até vontade de mudar de profissão de tão lindo que eu achei.

O Miguel precisou ficar internado um dia a mais no berçário pra tomar banho de luz porque ele nasceu com icterícia. Ele chorou um bocado, coitado. Imagino como deve ter sido horrível pra ele, ter saído da casinha escura, silenciosa e quentinha pra ficar de fralda, numa caixinha de acrílico com luz azul e os olhos enfaixados, mas depois ele acabou se acostumando e até de bruços o coisa linda dormiu! Pude ir visitá-lo no berçário sempre que eu quis e também dar de mamar. Eu e o Du aproveitamos cada chance que tínhamos para curtir nosso bebê mamando, eram os 20 minutos mais especiais do dia. Eu tive alta na terça-feira e o Miguel na quinta-feira de manhã. Eu e o Du dormimos num hotel ao lado do Hospital porque talvez eu ia de madrugada dar de mamar, mas não foi preciso. Fiquei no hospital até o último momento que pude, fui para o hotel jantar e depois a noite voltamos para eu dar a última mamada e tirar leite para ele tomar de madrugada. Isso me ajudou a descansar um pouco e dormi uma noite inteira. Na quinta-feira chegamos lá cedinho para falar com o pediatra e graças a Deus o Migui teve alta e voltamos felizes e saltitantes para casa ouvindo Paralamas do Sucesso.

Hoje é o 9º dia de vida do Miguel e as primeiras noites não estão sendo fáceis. Ele é um anjinho, mas chora, só que não de "esguelar" e acordar a vizinhança inteira. Primeiro ele ranheta e se tiver alguma coisa o incomodando ele dá uns berrinhos, mas logo pára, abre os olhinhos e fica ali, olhando, olhando, examinando as coisas, mal enxerga direito mas já nos segue com os olhos.

Ele é uma dádiva de Deus e tenho certeza que daqui pra frente só teremos momentos bons e alegre com esse pequenino junto com a gente.

E é isso. Tentei resumir os últimos acontecimentos e mesmo cansadíssima posso dizer que sou a mulher mais feliz do universo todo com esse bebê lindo no colo!

FOTOS! =D

Miguel no berçário, momentos depois de ter acabado de nascer


Primeiro dia do Miguel com a mamãe e primeira refeição

Papai, Migui e eu (com um leque na mão morrendo de calor, haha)


E antes de terminar o post, gostaria de agradecer a todas as pessoas que foram nos visitar. Me surpreendeu a quantidade, o Miguel já é muito querido, muito, muito obrigada!


Depois eu faço um post com mais fotos!

Beijos

Oficialmente mãe, Ive :)